menu

Topo
Paola Machado

Paola Machado

Categorias

Histórico

Os benefícios e como fazer farinha e biomassa de banana verde

Paola Machado

04/12/2018 04h00

Crédito: iStock

A banana verde é um alimento que traz muitos benefícios à saúde devido a presença de amido resistente em sua composição. A substância tem propriedades semelhantes às fibras e não é digerida pelo organismo humano.

O teor de amido resistente na banana verde é cerca de duas vezes maior do que na fruta madura (veja gráfico abaixo). Isso porque com o amadurecimento a substância é convertida em açúcar.

Benefícios da biomassa e farinha de banana verde

Como é muito difícil conseguir comer a banana verde crua (ela "amarra" na boca), a alternativa para aproveitar seus benefícios é usar sua farinha ou biomassa. E esses alimentos trazem muitas vantagens:

– Saúde intestinal O amido resistente é fermentado pelas bactérias presentes no intestino, favorecendo a produção dos ácidos graxos de cadeia curta (AGCC). Eles auxiliam na manutenção da integridade e na saúde do intestino. A redução do pH intestinal resultante da fermentação e da produção de AGCC ainda reduz a proliferação de bactérias potencialmente patogênicas, contribuindo para o equilíbrio da microbiota. Estudos já demonstraram que o consumo da farinha da banana verde favorece a menor ocorrência de dores abdominais e sensação de esvaziamento incompleto do intestino no momento da evacuação.

– Controle da glicemia e do peso corporal O amido resistente torna mais lenta a digestão de carboidratos, o que auxilia no controle da liberação de glicose (açúcar) na corrente sanguínea. Isso pode auxiliar no controle de peso, pois impacta em menor liberação de insulina, o principal hormônio relacionado ao acúmulo de gordura corporal.

– Redução do colesterol total e LDL A farinha e a biomassa de banana verde reduzem a absorção de gorduras pelo intestino e podem ser utilizadas como estratégia nutricional para o controle dos lipídeos no sangue.

– Controle do apetite A adição de farinha de banana verde na dieta evita o aumento da grelina (principal hormônio da fome) a redução de leptina (hormônio responsável pela saciedade). O consumo de 1 colher (chá) de farinha de banana verde misturada em um copo de água, cerca de 1 hora a 30 minutos antes das principais refeições, pode ser uma estratégia para controlar a fome.

Onde utilizar?

A biomassa e a farinha de banana verde podem ser acrescentadas em sucos, vitaminas, frutas picadas, iogurtes e em preparações culinárias como pães, bolos e massas.

A biomassa é considerada um ingrediente espessante que pode ser utilizado em sopas, molhos e no feijão. A polpa da banana verde não apresenta tanto sabor, por isso pode ser incluída em varias preparações sem alterar o paladar.

A quantidade que deve ser consumida varia de acordo com as necessidades individuais e o planejamento alimentar. No inicio, para se adaptar, você pode consumir 1 colher de sobremesa. Nas semanas subsequentes, aumente para 1 colher de sopa.

Como fazer em casa

Você encontra facilmente em lojas de produtos naturais e mercearias a biomassa e a farinha de banana verde. Entretanto, é possível prepará-las em casa.

Biomassa de banana verde

  1. Lave muito bem as bananas.
  2. Em uma panela de pressão, coloque água até cobrir as bananas.
  3. Cozinhe na pressão por cerca de 10 minutos.
  4. Retire da panela e, em seguida, bata no liquidificador ou no processador.
  5. Armazene a biomassa em pote de vidro na geladeira, ou congele em forminhas de gelo para serem utilizadas conforme a necessidade.

Farinha de banana verde

  1. Lave muito bem as bananas.
  2. Em um recipiente com água fervendo, adicione as bananas e cozinhe por dois minutos.
  3. Após isso, retire da panela, descasque a fruta e corte em rodelas finas.
  4. Coloque as rodelas em assadeira antiaderente e leve ao forno por cerca de 30 minutos –ou até que fiquem bem secas, mas sem deixar queimar.
  5. Após retirar do forno, bata as rodelas da banana no liquidificador.
  6. Passe pela peneira

Observação: utilize a casca apenas se a banana for orgânica, ou seja, cultivada sem uso de agrotóxicos.

*Colaboração da nutricionista Dra. Deborah Masquio

Referências:
– Amaral et al. EFEITO DO CONSUMO DA FARINHA DE BANANA VERDE EM PACIENTES HIPERCOLESTEROLÊMICOS: UM ESTUDO PILOTO. Nutrire: rev. Soc. Bras. Alim. Nutr.= J. Brazilian Soc. Food Nutr., São Paulo, SP, v. 38, Supl., p. 1-475, agosto 2013.
– Menezes et al. AVALIAÇÃO DE CONSUMO ALIMENTAR APÓS INGESTÃO REGULAR DE REFEIÇÃO CONGELADA ADICIONADA DE INGREDIENTES FUNCIONAIS. Nutrire: rev. Soc. Bras. Alim. Nutr.= J. Brazilian Soc. Food Nutr., São Paulo, SP, v. 38, Supl., p. 1-475, agosto 2013.
– Meneses et al. EFEITO DO CONSUMO DE FARINHA DE BANANA VERDE SOBRE O PERFIL DE
HORMÔNIOS GASTRINTESTINAIS RELACIONADOS À SACIEDADE. Nutrire: rev. Soc. Bras. Alim. Nutr.= J. Brazilian Soc. Food Nutr., São Paulo, SP, v. 36, Supl., p. 1-354, junho 2011.
– Negrini et al. IMPACTO DO CONSUMO REGULAR DE FARINHA DE BANANA VERDE SOBRE O FUNCIONAMENTO INTESTINAL, AVALIADO ATRAVÉS DO QUESTIONÁRIO GASTROINTESTINAL SYMPTOM RATING SCALE. Nutrire: rev. Soc. Bras. Alim. Nutr.= J. Brazilian Soc. Food Nutr., São Paulo, SP, v. 38, Supl., p. 1-475, agosto 2013.
– Ormenese RCSC. Obtenção de farinha de banana verde por diferentes processos de secagem e aplicação em produtos alimentícios . Tese de doutorado apresentada à Faculdade de Engenharia de Alimentos. Campinas. 2010.
– Salgado et al. ASPECTOS FÍSICO-QUÍMICOS E FISIOLÓGICOS DO AMIDO RESISTENTE. Curitiba, v. 23, n. 1, p. 109-122, jan./jun. 2005.

Sobre a autora

Paola Machado é fisiologista do exercício, formada em educação física modalidade em saúde pela UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo), mestre em ciências da saúde (foco em fisiologia do exercício e imunologia) e doutoranda em nutrição pela UNIFESP. É autora do Livro Kilorias - Faça do #projetoverão seu estilo de vida (Editora Benvirá). Atualmente, atua como pesquisadora, desenvolvendo trabalhos científicos sobre obesidade, e tem um canal de desafios (30 Dias com Paola Machado) onde testa a teoria na prática. Também é fundadora do aplicativo aplicativo 12 semanas. CREF: 080213-G | SP

Sobre a coluna

Aqui eu compartilharei conteúdo sobre exercício e alimentação para ajudar você a encontrar o caminho para um estilo de vida mais saudável. Os textos são cientificamente embasados e selecionados da melhor forma possível, sempre para auxiliar no seu bem-estar. Mas, lembre-se: a informação profissional é só o primeiro passo da sua nova jornada. O restante do percurso depende 100% de você e da sua motivação para alcançar seu objetivo.