menu

Topo
Paola Machado

Paola Machado

Categorias

Histórico

O que é um alimento orgânico? Quais as vantagens desses produtos?

Paola Machado

2009-04-20T19:04:00

09/04/2019 04h00

Crédito: Alina Demidenko/ iStock

O alimento orgânico é aquele originado de um método de produção agrícola que não utiliza agrotóxicos e valoriza a sustentabilidade ambiental.

De acordo com Anvisa, para a venda desses produtos, a qualidade orgânica deve ser certificada. Assim, o alimento orgânico certificado recebe um selo de certificação na rotulagem, com o objetivo de informar ao consumidor que ele foi auditado e está em conformidade com as normas da produção orgânica.

Para produtos industrializados, para se ter o selo de "orgânico" ou "produto orgânico" no rótulo, o produto deve conter, no máximo, 5% de ingredientes não orgânicos, ou seja, uma parte muito pequena. Mas é preciso escrever quais são esses ingredientes.

Produtos que têm uma porção maior de ingredientes não orgânicos só podem ser chamados de "produto com ingredientes orgânicos". Para isso, a parte orgânica deve ser, no mínimo, 70%.

Com a maior preocupação da população com a qualidade de vida, observou-se um impacto importante na produção de alimentos orgânicos no Brasil. De acordo com o Conselho Brasileiro da Produção Orgânica e Sustentável (Organis), estima-se que 15% da população brasileira consuma orgânicos, sendo que na região Sul encontra-se uma maior incidência de consumo de produtos orgânicos.

Dentre os alimentos mais consumidos na forma orgânica, destacam-se o alface e verduras no geral, tomate, frutas e cereais.

Por que consumir orgânicos?

De acordo com a primeira pesquisa nacional sobre o consumo de orgânicos realizada em 2017, a preocupação com a saúde compõe a principal motivação para o consumo de orgânicos. Algumas características dos produtos orgânicos são mencionadas como diferenciais: sabor, maior durabilidade e a proteção ambiental pelo método de cultivo.

A diferença na composição de nutrientes de produtos orgânicos e convencionais ainda é controversa. Entretanto, diversos estudos apontam que a capacidade total antioxidante e o teor de compostos fenólicos são superiores em produtos orgânicos.

Adicionalmente, o consumo de alimentos contendo agrotóxicos gera insegurança. A pesquisa conduzida pelo Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (PARA), publicada em 2015, detectou um uso irregular de agrotóxicos nos alimentos analisados, incluindo agrotóxicos não permitidos para consumo no Brasil. Dentre as 12.051 amostras de alimentos analisados, 2.371 (19,7%) foram considerados insatisfatórios.

Se um resíduo de agrotóxico é encontrado em um alimento em concentração igual ou inferior ao limite máximo de resíduo (LMR), o alimento pode ser considerado seguro para a saúde do consumidor (com relação a esse agrotóxico). Se um resíduo excede o LMR ou o agrotóxico não é autorizado para a cultura, existe uma irregularidade.

Distribuição das amostras analisadas segundo a presença ou ausência de resíduos de agrotóxicos e o tipo de irregularidade,

Dentre os alimentos analisados, os que apresentaram maior porcentagem de irregularidade foram: laranja (12,1%), abacaxi (5,0%), couve (2,6%), uva (2,2%) e alface (1,3%).

Dicas ao consumir um alimento natural (oorgânico ou não)

  • Higienize bem os alimentos com água corrente. Utilize uma escovinha ou uma bucha, destinada para essa finalidade, para auxiliar a remoção dos resíduos.
  • Optar por alimentos rotulados com identificação do produtor.
  • Optar por alimentos da época ou da safra.

Onde encontrar os alimentos orgânicos?

Geralmente, os alimentos orgânicos são comercializados em grandes redes de supermercados ou em feiras de orgânicos. Entretanto, a aquisição também é possível por meio do contato direto com o produtor, grupo de compras coletivas e em lojas de produtos naturais.

*Colaboração da nutricionista e pesquisadora Dra. Deborah Masquio.

Referências:
– ARBOS et al. Atividade antioxidante e teor de fenólicos totais em hortaliças orgânicas e convencionais. Ciênc. Tecnol. Aliment., Campinas, 30(2): 501-506, abr.-jun. 2010.
– CARRANO, Sergio Henrique Soares. Estudo sobre rotulagem do alimento orgânico / Sergio Henrique Soares Carrano. – Rio de Janeiro : Sociedade Nacional de Agricultura, 2008. 30 p. – (OrganicsNet Cartilha, 1).
– BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Produtos orgânicos : o olho do consumidor / Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo. – Brasília : MAPA/ACS, 2009.
– ORGANIS. Primeira pesquisa nacional sobre o consumo de orgânicos. 2017. Disponível em: https://organis.org.br/wp-content/uploads/2018/11/Pesquisa-Consumo-de-Produtos-Orgânicos-no-Brasil.pdf
– PINTO et al. Alimentos orgânicos em comparação aos convencionais: compostos bioativos, atividade antioxidante e segurança alimentar. J Health Sci Inst. 2018;36(3):00-00.
– SOUSA PVL. Conteúdo de compostos fenólicos, atividade antioxidante e minerais em hortaliças convencionais e orgânicas. Dissertação apresentada ao Programa de PósGraduação em Alimentos e Nutrição da Universidade Federal do Piaui. 2017.
– Dangour AD, Lock K, Hayter A, Aikenhead A, Allen E, Uauy R. Nutrition-related health effects of organic foods: a systematic review. Am J Clin Nutr. 2010 Jul;92(1):203-10.
– Dangour AD, Dodhia SK, Hayter A, Allen E, Lock K, Uauy R. Nutritional quality of organic foods: a systematic review. Am J Clin Nutr. 2009 Sep;90(3):680-5.
– ANVISA. Programa de análise de resíduos de agrotóxicos em alimentos – para relatório de atividades de 2013 a 2015. 2016. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/documents/111215/0/Relat%C3%B3rio+PARA+2013-2015_VERS%C3%83O-FINAL.pdf/494cd7c5-5408-4e6a-b0e5-5098cbf759f8

Sobre a autora

Paola Machado é fisiologista do exercício, formada em educação física modalidade em saúde pela UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo), mestre em ciências da saúde (foco em fisiologia do exercício e imunologia) e doutoranda em nutrição pela UNIFESP. É autora do Livro Kilorias - Faça do #projetoverão seu estilo de vida (Editora Benvirá). Atualmente, atua como pesquisadora, desenvolvendo trabalhos científicos sobre obesidade, e tem um canal de desafios (30 Dias com Paola Machado) onde testa a teoria na prática. Também é fundadora do aplicativo aplicativo 12 semanas. CREF: 080213-G | SP

Sobre a coluna

Aqui eu compartilharei conteúdo sobre exercício e alimentação para ajudar você a encontrar o caminho para um estilo de vida mais saudável. Os textos são cientificamente embasados e selecionados da melhor forma possível, sempre para auxiliar no seu bem-estar. Mas, lembre-se: a informação profissional é só o primeiro passo da sua nova jornada. O restante do percurso depende 100% de você e da sua motivação para alcançar seu objetivo.